Buracos na História

Em princípio, eu quis escrever um livro. Depois me surpreendi com as histórias que o livro me contou. São muitos os desafios de desapego, mas se há algo de que não deveríamos nunca nos desapegar, é dos nossos afetos. Resgatar contatos com familiares nos conecta com nossas origens, dando-nos consciência da importância de todos como células de algo maior. – Por que nunca pensei nisso antes? – Talvez porque estivesse ocupado demais com meus próprios corres. Afinal, todos parecemos estar na maior parte do tempo. Ora, ora... Hora a hora... Quantas ainda nos restam? O bastante para nos falarmos, para nos vermos, para preenchermos os "buracos" na história real que antes não escrevemos.

– Gutto Carrer Lima




|  FRASES  |  CRÔNICAS  |  HISTORINHAS  |  POEMAS  |  MÚSICAS  | POESIA |  FILMES  |  






Comentários

SOBRE ESTE BLOG:

Este é um espaço destinado às frases, crônicas, poemas e historinhas que não entraram no livro e a novos textos do autor. Escolha o tema pelo Marcador:

Postagens mais visitadas deste blog

Não é depressão, é desilusão

Fazer o Bem sem olhar a Quem

Dor: o princípio da Vida

SIGA ESTE BLOG POR E-MAIL: